O recomeço na estação!

imagem daqui


O trem partia docemente. Da janela a jovem olhava a estação, que daquele entardecer se despedia, deixando pra trás o seu namorado com flores nas mãos, e um semblante de desilusão. Do outro lado da plataforma achei melhor voltar a prestar atenção na minha leitura.


- Sheila Mendonça -


(criado dia 30/08/2010)

-------------------------------

Publicando de novo...

Comentários

  1. Oi She...

    Nessa estação chamada "Vida", quantos trens ainda teremos que ver partir? E quantos ainda virão? Embarques e desembarques nessa casa de emoções chamada "coração". Que passam pelos trilhos da alma. Nos fazendo viver...

    A dor de uma partida ou a chegada de uma grande alegria são fatores naturais da vida, acredito.

    Saudade é sempre tudo que fica...de estação em estação...

    Grande beijo Querida...

    Sil.

    ResponderExcluir
  2. Quantas vezes precisamos olhar em diversas direções e ainda assim seguirmos em frente, não é mesmo? Lindo texto. Linda semana. Beijooo.

    ResponderExcluir
  3. Quantos corações já passaram por isso. A dor de uma despedida. O sentimento de vazio que dá... Adorei o texto! Bjos!

    ResponderExcluir
  4. Lembrei da minha infância, em Santa Maria, tinha estação e era tão lindo.

    ResponderExcluir
  5. Sheila. Uma vez postei um texto (lembrando de minha filha) que falava que a vida é como um trem, onde em cada estação, algumas pessoas entram e outras saem. Algumas viajam conosco até a última estação. Outras descem no meio do caminho. Todas, de alguma forma, deixam marcas em nós. O importante é seguir viagem. Grande beijo.

    ResponderExcluir
  6. Oi Flor de Maracujá, precisamos arrumar um noivo pra vc, vc anda tãaaaaaaaaaaaaaaaoo romântica!
    rsrsrsrs
    Mas tem que ser qlguém que queira te fazer feliz.

    Beijos

    Joana Campos

    ResponderExcluir
  7. nossa chegou a doer...consegui ver a cena
    bejos amore

    ResponderExcluir
  8. Oi She!
    Que imagem linda!
    Você sempre tão sensível!!!

    As Fadinhas estão seguindo você!

    Bjos.

    Clau Finotti

    ResponderExcluir
  9. Que triste...consegui visualizar a cena, tal a realidade da sua descrição!

    ResponderExcluir
  10. existem cenas cotidianas que parecem saida de um romance ou filme...
    beijo!

    ResponderExcluir
  11. She... parece que vi um filme em minha mente agora...
    vi muitas vezes essa cena... tantos que vem e vão por aqui até ai e vice versa...

    lindo texto, apesar do tema triste.
    bom dia

    ResponderExcluir
  12. Oi, She! Esse seu post me lembrou uma coisa que me disseram quando eu vim para cá: "não se sinta culpada! Não se pode perder o trem da vida, ficar sentada na estação o vendo passar". E é verdade! Outra coisa, quantas vezes já não perdi o trem (mas o de verdade) e fiquei sentada num banquinho como o da foto na estação, observando o vai e vem de formiguinhas com pressa, imaginando as histórias, vendo os encontros... a vida acontecendo. Fantástico. Beijo

    ResponderExcluir
  13. Lindo She, vim desejar um ótimo dia pra você!

    ResponderExcluir
  14. Amiga adorei essa escrita, achei bem realista.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  15. Em 2010 eu não tinha, nem sempre, o hábito de responder por aqui, ia responder no Blog de vcs...rs Hj sempre que posso faço das duas formas!
    Beijo, beijo em todos!


    Seguidores novos: sejam bem-vindos! ;)
    Bjo, bjo!

    ResponderExcluir
  16. Tenho uma fé feito de mil cores
    Uma paleta onde misturo as emoções
    Este pincel deixa tanta marca vibrante
    E um mundo imenso de contradições

    Pinto rostos, o céu, a saudade
    Pinto mentiras, corações sem chama e verdades
    Pinto o Mundo muito à minha maneira
    E um barco carregado de puras saudades

    E apago o olhar para ver melhor
    Para sentir o dizer de um amarrotado papel velho
    O que vejo está muito para lá de sentir
    Nesta…Outra face do Espelho…

    Mágico beijo

    ResponderExcluir
  17. Mas um livrinho chegando She?? *-*

    Sucesso querida!!! ♥

    Rapha - Doce Encanto

    ResponderExcluir
  18. Isso faz a gente pensar que é um eterno recomeço, estamos sempre inventando um novo modo de sentir e se emocionar, especialmente qdo findamos uma história e sentimos necessidade de criar outra... Mas ainda bem, né. Que graça teria a vida sem emoções, rs. Beijos, adorei a sensibilidade do texto!

    ResponderExcluir
  19. Oi She!
    Despedidas na estação.....como são sempre cheias de significado!!!
    beijocas
    Bia
    www.biaviagemambiental.blogspot.com

    ResponderExcluir
  20. Olá She, gostei da imagem e do belo texto...Espectacular....
    Cumprimentos

    ResponderExcluir
  21. Ah ah ah presta atenção na sua leitura!
    Fica prestando atenção em namorados que se apartam não! KKKK

    beijos queridonaaaaaaa!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Ei, seja bem-vindo! Deixe aqui as suas impressões...

Postagens mais visitadas deste blog

Plástico-bolha surgiu por acidente

A pegada