Dançarinos na Prisão

Oie pessoal!

Vejam que coisa interessante! Assim existe chance de recuperação! Tentei colar o vídeo aqui, mas a incorporação foi desativada, então, por favor, cliquem no link abaixo, mas antes leiam a história de tudo.


"Estes são os dançarinos prisioneiros do Centro de Detenção e Reabilitação da Província de Cebu. Têm imensas coreografias, que fazem sucesso, muitas no youtube e que foram uma idéia de Byron Garcia, um consultor de segurança do governo da província de Cebu. Ele afirma que a nova rotina de exercícios melhorou "drasticamente" o comportamento dos presos e dois ex-detidos transformaram-se em dançarinos desde então.

"Usando a música, pode-se envolver o corpo e a mente. Os prisioneiros têm que contar, memorizar passos e seguir a música", disse Garcia à BBC.

"Os prisioneiros dizem-me: "precisa colocar a sua mente longe da vingança, da loucura ou de planos para escapar da prisão ou juntar-se a uma gangue, acrescentou Garcia.

A dança é obrigatória para todos os 1,6 mil detidos na prisão de Cebu,exceto para os idosos e doentes.


Clique no link abaixo para ver o video"

http://www.youtube.com/watch_popup?v=mKtdTJP_GUI

(Se não entrar diretamente, copie o link e cole-o no seu navegador)


Um verdadeiro show!


Comentários

  1. She! Tudo azul??
    Pelo que vejo sim!
    Que lindo ficou! Estou nas núvens aqui!
    Sim amiga é muito difícil ser editor independente!
    Ah eu conhecia estes dançarinos já, mas achava que eram atores, sei lá.. não sabia que eram detentos e que fazia parte de um projeto!
    Linda indicação!
    Bjus de Luz!
    Seu amigo,
    William

    ResponderExcluir
  2. Opa, mas nem com editor texto!!! rsss
    é muito difícil ser escritor, editor tudo independente.
    Afinal a partilha e o trabalho em equipe são divinos em qualquer área! Mais Bjus!

    ResponderExcluir
  3. Oi She

    Eu também já tinha assistido videos desses dançarinos prisioneiros.
    Onde há disciplina e prazer em viver, há paz.
    Muito bom.

    Bjs no coração!

    Nilce

    ResponderExcluir
  4. Olá She

    Sou de opinião que deveria haver trabalho para o sistema carcerário. Trabalhar lá dentro para manter sua família. Manter a mente ogupada sim, mas com muito trabalho.
    Achei super válido a ideia da dança.

    Uma ótima noite...
    Bjooooooooo,,,,,,,,,,,,,,,,,

    http://amigadamoda.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. She, com a mente (e o corpo) ocupados, não há tempo para besteiras. Fora que a música acalma, envolve, oferece um mundo de possibilidades.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  6. Olá She. Ser independente é complicado em qualquer setor. Tem suas vantagens, mas o sentimento de estar só vem sempre acompanhado. Vá à luta, amiga. Você consegue. Beijos.

    ResponderExcluir
  7. Oi She, amei seu post, que bela maneira de ocupar a mente e o tempo dos prisioneiros né, já copiei e repassei pra vários amigos, belissima apresentação...bjoca.

    ResponderExcluir
  8. Nossa She, fiquei toda arrepiada vendo o vídeo, eu então que adoro dançar, concordo totalmente, não existe melhor terapia!!!
    Adorei!!!
    Beijocas!!

    ResponderExcluir
  9. Oi, She!
    Já vi também este vídeo e fiquei impressionada com a coisa toda certinha que eles fazem.
    A dança é, talvez, a expressão mais genuína da alegria humana, ainda mais em conjunto assim, fica demais!
    beijinhos cariocas

    ResponderExcluir
  10. Oi She, boa tarde
    Não conhecia este vídeo de prisioneiros dançarinos. Tem mais é que fazer isto, ocupar o corpo e a mente destas pessoas pra que não fiquem tramando maldades, fugas e outras coisas piores.
    Bjo

    ResponderExcluir
  11. Oi She... Amiga Querida!

    O blog tá lindo! Leve e azul! Maravilhoso!

    Sobre o vídeo... eu não conhecia! Achei simplesmente fantástico! Não podemos desistir das pessoas. O "segredo" está em como conduzir as situações. Devemos acreditar e dar sempre uma segunda, terceira e quarta chance, um dia pode ser a nossa vez de precisar de compreensão e perdão!

    Beijos e dias de muita luz e paz!

    Sil

    ResponderExcluir
  12. Muito bom, né meus queridos?!
    É uma pena que aqui no Brasil a cultura é amontoar um bando de presidiário em celas com capacidade bem menor do que a real condição deles e achar que deixá-los o dia inteiro sem fazer nada é saudável e recupera... Enfim...
    Bjo, bjo em cada um!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Ei, seja bem-vindo! Deixe aqui as suas impressões...

Postagens mais visitadas deste blog

Plástico-bolha surgiu por acidente

A pegada